terça-feira, 2 de agosto de 2011

AMULETOS & TALISMÃS


Ainda persiste uma certa confusão quanto à diferença entre o amuleto e o talismã. Para simplificar, podemos dizer que o Amuleto é um instrumento passivo, isto é, ele não provoca mudanças, apenas protege contra todo tipo de forças negativas. É uma arma defensiva, por assim dizer, guardando seu portador de ataques maléficos de toda sorte.

O Talismã é um instrumento ativo, pois provoca mudanças na sorte, no destino e em geral, conforme a intenção de quem o prepara, sempre dentro de um ritual predeterminado, que invoca as forças necessárias e adequadas para o objetivo em questão.

Um Amuleto pode ser permanente, protegendo indefinidamente seu portador contra o mau-olhado, por exemplo. O Talismã, uma vez atingido o objetivo proposto, perde a sua validade, como um que seja feito para conquistar uma determinada pessoa. Assim que isso for conseguido, cessam os efeitos do talismã e ele será descartado, sendo normalmente jogado em água corrente, às costas de seu possuidor, que deverá se afastar sem olhar para trás.

Um dos talismãs mais utilizados pelos ciganos são os chamados Relicários, que no Brasil são muito encontrados, principalmente nas regiões do interior, sendo conhecidos como Reliques. De fácil preparação e uso, são extremamente úteis em todas as situações da vida.

PARA PREPARAR UM RELICÁRIO

Um relicário é um saquinho de tecido natural, normalmente a seda para os ciganos, mas admite-se também o uso do linho e do algodão crus ou outros tecidos semelhantes.

Pode ser colorido e a escolha da cor pode ser baseada numa série de princípios, desde a Astrologia até a linguagem das flores. Entre os ciganos essa escolha de cores já é codificada, conforme veremos mais à frente.

Para fazer o seu relicário, trace um círculo no tecido, de mais ou menos 2 centímetros de raio. Próximo da borda, faça alguns furos para passar um cordão de algodão, linho, cânhamo, sisal ou rami. Nunca use um relicário preso a uma corrente.

No centro do relicário coloque os objetos recomendados, depois puxe o cordão, fechando-o, de forma que sobrem duas pontas do mesmo tamanho, suficiente para prendê-lo ao pescoço, de forma que ele fique à altura do coração.

Em alguns casos, o relicário será preso de uma outra forma, em uma outra parte do corpo. O importante é que ele esteja sempre em contato com a pele para transmitir sua força.

Uma recomendação toda especial deve ser feita: se estiver usando um relicário no pescoço e for entrar na água, beije-o e acomode-o às costas, abaixo da nuca. Usado abaixo do pescoço nesses momentos pode provocar afogamento.

Quando o relicário cair, jogue-o às suas costas, em água corrente e afaste-se em olhar para trás. Se for um de uso constante, vá imediatamente providenciar um outro.

CÓDIGO CIGANO DE CORES PARA RELICÁRIOS

Branco: Para assuntos de amizade, vizinhança e família.

Vermelho: Para assuntos de amor, conquista, sedução e disputas.

Verde: Para tudo que envolver esperança, aspiração e desejos.

Azul: Para o que se relacionar a crianças, filhos e jovens.

Amarelo: Para trabalho, riscos, negócios, dinheiro, profissão, empreendimentos e projetos.

Violeta: Para tudo que envolver passado, lembranças, viuvez e também viagens.

Preto: Para concluir, encerrar ou fechar alguma coisa.

Laranja: Para enfrentar mudanças, problemas de saúde e de vícios.

PARA SEDUZIR UMA MULHER

Um dos relicários mais utilizados pelos ciganos é este, com certeza. Após preparado, o cordão é fechado com um nó e o relicário é, então, preso ao cós da calça por um alfinete ou por um ponto com linha e agulha.

Após recortar o relicário em seda vermelha por ser a mais adequada aos assuntos do amor, colocar no centro dele a ponta de um punhal, juntamente com aparas de unhas ou fios de cabelo da mulher desejada.

Ao procurá-la, usando o relicário, olhá-la sempre fixamente nos olhos. Pode não dar resultado imediato, mas não desanime. Continue usando e insista em procurar essa mulher, até conseguir seu intento, o que não demorará.

Observação: Para fazer um relicário que lhe permita seduzir todas as mulheres, um homem deverá colocar a ponta do punhal e uns fios de cabelos de uma boneca de milho ainda verde. Se quiser arriscar sua sorte entre diversas mulheres, colocar aparas de unhas ou fios de cabelos delas, tudo no mesmo relicário.

PARA SEDUZIR UM HOMEM

Para que não haja discriminação, aqui vai a simpatia correspondente para as mulheres conseguirem seduzir um homem. Após recortar um relicário da forma como foi ensinada, coloque no centro dele uma conchinha de rio ou de mar, a menor que encontrar, juntamente com pêlos pubianos do homem. Fechar e usar preso por um cordão, de forma que fique entre os seios.

Observação: Parece ser um tanto complicado para a mulher conseguir os pêlos pubianos do homem em questão, mas uma visita na hora certa e com as artimanhas necessárias pode resolver isso. É justo acrescentar que usam também é usado o mesmo esquema da simpatia masculina, isto é, pôr aparas de unhas ou fios de cabelo apenas.

PARA PROBLEMAS NERVOSOS

Há pessoas que apresentam problemas de natureza nervosa e, apesar das constantes idas ao médico e dos medicamentos, continuam sofrendo crises nervosas.

Um tratamento cigano muito eficiente consiste em usar um relicário feito em tecido laranja, à altura do peito, preso pelo cordão, contendo em seu interior as presas de uma aranha caranguejeira e uma pitada de alecrim seco.

Para se retirar as presas da aranha ela não pode ser morta de forma violenta. Coloque-a com muito cuidado dentro de um vidro com éter ou álcool e deixe fechado. Com um alicate de unhas, corte as presas e coloque-as ainda frescas no seu relicário.

PARA PROSPERAR NOS NEGÓCIOS

Quando os negócios andam mal, com muitos problemas se sucedendo e nada dando certo, é o momento de preparar um relicário dos mais poderosos para que seus negócios voltem a se desenvolver novamente.

Para tanto, recorte tecido amarelo e no seu interior coloque um dente de alho com casca e um pequeno pedaço de cristal transparente. Feche e use ao pescoço, pendente abaixo da linha dos mamilos, sobre o estômago.

PARA ENFRENTAR PERIGOS

Há pessoas muito assustadas, que recuam diante de qualquer ameaça ou de qualquer perigo. Isso pode ser sinônimo de prudência, o que é elogiável, porque a fanfarronice nunca fez bem a ninguém.

Ocorre que há momentos em que os perigos precisam ser enfrentados, não apenas para que a pessoa se autoconheça e se autodesenvolva, mas porque recuar seria sacrificar coisas importantes demais para serem desconsideradas.

Se você se sente assim, prepare esse relicário e enfrente com decisão os perigos que surgirem diante de você.

Recorte um relicário em tecido amarelo e ponha dentro um dente de uma fera e uma pena do peito de um galo de briga. Feche e use, preso a um cordão, à altura do coração.

PARA NÃO SE DEIXAR HUMILHAR

Muita gente tem um prazer todo especial em humilhar as outras pessoas. Por qualquer motivo, não perdem a chance de se vangloriar e de diminuir os outros.

As pessoas que são humilhadas, por seu turno, facilitam o trabalho desses arrogantes, não encontrando formas nem palavras para retrucar e não se deixar humilhar.

Muitos sofrem com isso. Entre os ciganos se usa um relicário com esse objetivo, dando ao seu portador coragem, força e argumentos para reagir à altura.

Para tanto, recorte tecido vermelho e no seu interior coloque uma espinha de peixe quebrada ao meio e um algodão embebido em água benta. Feche e coloque-o ainda úmido à altura do coração, preso por um cordão.

PARA VENCER UM INIMIGO

Relicários são, sem sombra de dúvidas, uma excelente defesa contra inimigos e contra pessoas que tentam nos prejudicar. Nesses casos, ele é preparado para que seus efeitos se produzam junto à outra pessoa.

Isso pode acontecer prendendo-o à pessoa, escondendo-o na bolsa, costurando-o no interior das roupas ou simplesmente ocultando-o num lugar da casa ou do local de trabalho desse inimigo ou dessa pessoa da quem precisamos nos defender.

Para tanto, recorte tecido preto e no seu interior coloque um pouquinho de poeira de cemitério e um fragmento de carvão, tirando de uma fogueira ainda em brasa e jogado dentro de uma vasilha com vinagre.

Fechar e levar essa oferenda à pessoa, conforme recomendado acima.

PARA ENFRENTAR INTRIGAS

Observando com atenção, você poderá ver entre as medalhas usadas por um cigano ou uma cigana, seja no pulso, no pescoço ou na cabeça, algumas tão polidas que parecem espelhos. Essas moedas têm um objetivo específico, que é o de refletir ou devolver a sua origem toda a maldade mandada contra quem as usa.

Como nem sempre se pode usar as medalhas, muitos ciganos costumam preparar um relicário, pondo dentro uma dessas medalhas polidas ou mesmo um pedacinho de um espelho. Uma vez fechado, ele é usado junto à nuca, normalmente preso ao nó de um outro relicário que pende à altura do peito.

Esse para proteger das intrigas deve ficar sempre às costas, pois normalmente as pessoas que fazem intrigas jamais o fazem pela frente.

PARA AMANSAR SOGRA

Quem tem uma sogra muito brava passa o diabo nas mãos dela, tendo que agradá-la para contentar o marido ou a esposa. Brigar com a sogra é dar bom-dia a cavalo. O ideal é conviver com ela, amansando-a e fazendo-a tratá-lo(a) na palma da mão.

Para isso, faça um relicário com tecido branco e dentro dele coloque três formigas cortadeiras ainda vivas e um pingo de mel. Feche e use por três meses à altura do coração.

Observação: O relicário, para ser eficiente, deve ser mantido sempre em segredo e oculto. Se por algum motivo estiver usando um e tiver de desnudar o tronco, por exemplo, tirá-lo antecipadamente e escondê-lo. Assim que puder, volte a usá-lo. Nunca se esqueça de beijá-lo ao mudá-lo e lugar, seja pondo-o às costas para nadar ou tirando-o por algum motivo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Follow by Email