segunda-feira, 16 de fevereiro de 2009

A dança da alma

Eu danço conforme a dança
Como conforme a fome.
Minha vida é um mar de brisa.
Onde dança os pequenos encantos.
Minha alma canta.
Meu corpo estarrecido dança.
A espera de mais esperança.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Follow by Email